Pular para o conteúdo principal

REGÊNCIA VERBAL - A






























REGÊNCIA VERBAL

A

ABANDONAR
1. ~ (se) A algo ou alguém (entregar-se, render-se)
_ O rapaz abandonou-se inteiramente aos ideais da revolução.
_ Ele abandonou-se à mulher amada.

ABARROTAR
1. algo DE algo (encher em demasia)
_ A empregada abarrotou a geladeira de verduras.

ABASTECER
1. algo DE, COM algo (munir, prover)
_ Ontem eu abasteci a despensa de (com) comida.

ABDICAR
1. DE + verbo no infinitivo ou algo (desistir, renunciar a)
_ Ela não abdicará nunca de viver esse amor.
_ Eu abdicaria de todos os meus bens para que você fosse feliz.

ABOLIR
1. algo DE algo (banir, eliminar, excluir)
_ Aboli a carne vermelha da minha dieta.

ABORRECER
1. ~ (se) DE algo (cansar-se, entediar-se)
_ O antigo funcionário aborreceu-se de seu emprego no banco.

ABRAÇAR
1. ~ (se) A, COM alguém (enlaçar-se com os braços)
_ Abracei-me à (com a) minha mulher.

2. alguém A, COM, CONTRA algo (aproximar, unir)
_ O pai abraçou o filho ao (com o, contra o) seu peito.

3.~ (se) A, COM, EM algo (agarrar-se com os braços)
_ A jovem abraçou-se a (com, em) uma tábua para não se afogar.


ABRIGAR
1. alguém DE algo (proteger, resguardar)
_ A babá abrigou a criança da chuva.

ABRIR
1. ~ (se) A algo ou alguém COMO algo (apresentar-se, oferecer-se)
_ A globalização abre-se ao Brasil como um leque de oportunidades de crescimento.
_ Os avanços da medicina abrem-se aos diabéticos como uma esperança de cura.

2. algo A, PARA algo ou alguém (criar, oferecer, proporcionar)
_ Os subsídios governamentais abrirão outros caminhos à (para a) nossa empresa.
_ Falar outras línguas abre ótimas perspectivas de emprego a (para) qualquer profissional.

3. algo A, PARA algo ou alguém (tornar acessível; franquear)
_ Corre o boato de que o governo abrirá o mercado nacional às (para as) importações.
_ A diretoria abrirá o laboratório aos ingressantes.

4. ~ (se) A, PARA algo (tornar-se acessível; deixar-se invadir por)
_ O deputado, após certa relutância, abriu-se às (para as) novas tendências do partido.

5. ~ (se) COM alguém (desabafar; fazer confidências a)
_ Ela abriu-se com a amiga.

6. ~ (se) PARA alguém (oferecer-se)
_ A moça abriu-se para o namorado.

7. PARA, SOBRE algum lugar (estar localizado na direção de; dar para)
_ A janela do meu quarto abre para (sobre) o jardim.

ABSOLVER
1. alguém DE algo (desculpar, desobrigar)
_ O juiz absolveu o acusado de seus delitos.

ABSORVER
1. ~ (se) EM algo (concentrar-se; ocupar o espírito)
_ O tradutor absorvia-se na tentativa de traduzir o trocadilho.


ABSTER
1. ~ (se) DE algo (impedir, privar)
_ Ela não permitirá que o filho abstenha-se dos estudos.

ABSTRAIR
1. algo DE algo (separar, tirar)
_ Se pudesse, abstrairia cada lembrança sua de minha memória.

2. algo DE algo (depreender)
_ Eu abstraí as segundas intenções daquelas palavras aparentemente bem-intencionadas.

ABUNDAR
1. DE, EM algo (ter em grande quantidade Ø)
_ A Amazônia abunda de (em) pássaros.

ABUSAR
1. DE algo (usar em excesso Ø)
_ Muitos vigias noturnos abusam do café.

2. DE alguém (estuprar Ø, violentar Ø)
_ O réu já havia abusado de duas mulheres.

ACABAR
1. COM algo (arrasar, destruir Ø)
_ A Primeira Guerra Mundial acabou com a Europa.

2. COM alguém (romper relação amorosa)
_ Meu amigo acabou com a noiva.

3. COM alguém (destruir física ou moralmente Ø)
_ Durante o debate, o nosso candidato acabou com o adversário.

4. EM algo (terminar)
_ O jogo de futebol acabou numa terrível briga.

5. EM algum lugar (chegar)
_ Ele vagou a noite toda e acabou na minha porta.


ACANHAR
1. ~ (se) DE + verbo no infinitivo ou algo (envergonhar-se)
_ Não me acanho de dizer que te amo!
_ Você não se acanha mesmo das suas mentiras!

ACARRETAR
1. algo A, PARA alguém (causar, ocasionar)
_ A queda da Bolsa acarretou enormes perdas aos (para os) investidores.

ACASALAR
1. animal COM animal (cruzar, juntar para procriar)
_ O fazendeiro acasalou um cavalo islandês com uma égua húngara.

ACENAR
1. PARA alguém (fazer gestos para avisar ou saudar)
_ De longe, ela acenou para mim.

2. PARA alguém COM algo (procurar seduzir com)
_ O rapaz acenou para a moça com promessas de amor eterno.

ACERTAR
1. algo COM alguém (ajustar, combinar)
_ Já acertei a duração do expediente com novo contratado.

2. COM alguém (atingir resultado esperado; encontrar)
_ Finalmente eu acertei com esta secretária.

3. ~ (se) COM alguém (ajustar-se, harmonizar-se)
_ Ainda bem que você acertou-se com o seu pai!

4. DE, EM + verbo no infinitivo ou EM algo (agir bem em; agir com acerto em)
_ Você acertou de (em) não telefonar ao seu ex-namorado.
_ Ela acertou na escolha do meu presente.

ACHAR
1. DE + verbo no infinitivo (decidir Ø, resolver Ø)
_ Achei de viajar antes de as férias começarem.

2. ~ (se) EM algum lugar (encontrar-se, estar)
_ A enferma achava-se num terraço magnífico.

ACOBERTAR
1. alguém DE algo (pôr a salvo; proteger)
_ Acobertaria o neto daquela má influência, se pudesse.

2. ~ (se) SOB algo (disfarçar-se, esconder-se, proteger-se)
_ Você acoberta-se sob uma máscara de virtude.

ACOMODAR
1. algo A algo (adaptar, ajustar)
_ Com dificuldade, acomoda as pupilas à intensa luz da manhã.

ACOMPANHAR
1. alguém A algo (seguir com voz ou instrumento)
_ Ela acompanhou a cantora ao violão.

2. algo COM algo (aliar; fazer juntar)
_ Minha amiga acompanhava o seu sorriso com uma estranha piscadela.

3. ~ (se) DE alguém (fazer-se acompanhar)
_ A corte francesa acompanhava-se dos melhores artistas.

ACONCHEGAR
1. alguém A, EM algo (acomodar, ajeitar)
_ A ama seca aconchegou o bebê ao (no) colo.

ACONSELHAR
1. alguém A + verbo no infinitivo (persuadir; procurar induzir)
_ O médico me aconselhou a parar de fumar.

2. algo A alguém (indicar, recomendar, sugerir)
_ Aquela agência aconselhou aos turistas uma viagem à Nova Zelândia.

3. ~ (se) COM alguém (pedir ou tomar conselhos)
_ O coroinha aconselhou-se com o vigário.


ACONTECER
1. A, COM alguém (ocorrer, suceder)
_ Aquilo que aconteceu ao (com o) rapaz é inacreditável.

ACOPLAR
1. algo A algo (ligar, unir)
_ O técnico acoplou o computador à televisão.

ACORDAR
1. DE algo (sair; voltar a si)
_ Ela acordou do desmaio depois de cinco minutos.

2. DE algo (despertar)
_ A criança, desesperada, acordou do pesadelo.

ACORRENTAR
1. alguém A algo (prender)
_ O capataz acorrentou o gigante escravo ao tronco.
_ Um homem acorrentou-se a uma árvore para não ser levado pelas águas.

ACOSTUMAR
1. alguém A + verbo no infinitivo (adaptar, habituar)
_ Minha professora me acostumou a consultar sempre o dicionário.

algo ou alguém A, COM, EM algo
_ Você já acostumou os seus ouvidos aos (com os, nos) sons da língua inglesa?
_ Acostumo meu filho à (com a, na) ideia de que um dia morrerei.

ACREDITAR
1. EM algo ou alguém (ter como verdadeiro, real ou possível Ø)
_ Ela sempre acreditava nas histórias que lhe contavam.
_ Minha filha acredita em Papai Noel.

2. EM algo ou alguém (confiar; ter confiança)
_ Eu acreditei na sua promessa.
_ Muitos acreditaram no presidente da república.

ACRESCENTAR
1. algo A algo (adicionar, juntar)
_ Acrescente uma colher de fermento à massa.


2. algo A alguém (acrescer)
_ A política acrescentou poder ao rico empresário.

ACUDIR
1. A alguém (socorrer Ø)
_ A enfermeira acudiu ao ferido.

2. alguém EM algo (ajudar)
_ Um colega acudiu o outro no dever de casa.

ACUSAR
1. alguém DE + verbo no infinitivo ou algo (culpar, incriminar, responsabilizar)
_ O advogado acusou a pobre moça de ter roubado o seu relógio.
_ A minha ex-esposa me acusou do fim do nosso casamento.

2. alguém DE algo (qualificar, tachar)
_ O fiscal me acusou de mentirosa.

ADAPTAR
1. algo A algo (acomodar, adequar)
_ Adaptaram os espetáculos à faixa etária do público.

ADEQUAR
1. algo ou a si mesmo A algo (adaptar[-se]; tornar[-se] apropriado ou ajustado)
_ Adequamos o tempo de lazer ao nosso horário de trabalho.
_ Eu preciso adequar-me às novas normas.

ADERIR
1. A algo (alinhar-se; tornar-se adepto)
_ Os jovens aderiram à nova ideologia.

2. A algo (ligar-se, unir-se)
_ Três doutores aderiram ao novo grupo de pesquisa.

ADESTRAR
1. alguém PARA algo (capacitar, preparar, treinar)
_ Adestraram esse rapaz desde pequeno para os trabalhos mais pesados.


ADIANTAR
1. algo A, PARA (dar ou entregar antecipadamente)
_ O patrão adiantou o salário ao (para o) jardineiro.

2. algo A, PARA alguém (dizer ou afirmar antecipadamente)
_ Os filhos mais velhos adiantaram aos (para os) pais que não poderão visitá-los no Natal.

ADICIONAR
1. algo A algo (acrescentar, juntar)
_ O padeiro adicionou água ao leite.
F
ADMINISTRAR
1. algo A, PARA alguém (conferir, ministrar)
_ O sacerdote administrou o derradeiro sacramento ao (para o) moribundo.

ADMIRAR
1. ~ (se) DE, COM algo (sentir admiração; surpreender-se)
_ Ao conhecer o Brasil, o turista admirou-se de (com) tanta beleza.

ADQUIRIR
1. algo DE alguém (comprar; tornar-se proprietário)
_ Adquiri uma estatueta grega de um colecionador.

ADVERTIR
1. algo A alguém (atentar, reparar; fazer observar)
_ Adverti ao rapaz que era preciso ser cauteloso.

2. alguém CONTRA, SOBRE algo ou alguém (acautelar, precaver)
_ A velha governanta advertiu a menina contra (sobre) os perigos do mundo.
_ Eu adverti a empresária contra (sobre) o seu sócio.

3. alguém DE algo (avisar, informar)
_ A médica advertiu o missionário do risco de epidemia de cólera na aldeia.

ADVIR
1. DE algo (provir, resultar)
_ A separação desse casal advém da incompatibilidade de temperamentos.


ADVOGAR
1. POR alguém (defender com argumentos Ø; interceder)
_ Nossa benfeitora advogava por todos os que não tinham com quem contar.

AFASTAR
1. alguém DE algo ou alguém (apartar, distanciar, separar)
_ A dor de perder a esposa afastou-o da vida social.
_ A rotina afastou você de mim.

2. algo DE algo (dissipar, tirar)
_ Nada afastaria a sua imagem da minha memória.

3. algo DE alguém (livrar, poupar)
_ As vacinas afastam muitas doenças do homem.

AFEIÇOAR
1. ~ (se) A alguém (apegar-se; tomar afeto por)
_ A criança afeiçoou-se a mim.

AFINAR
1. ~ (se) COM alguém (entender-se; estar em conformidade)
_ O editor afinou-se bem com o novo revisor.

2. ~ (se) COM, POR algo (pautar-se em, regular-se)
_ Ela não se afina com o (pelo) modo de pensar da burguesia.

AFIRMAR
1. ~ (se) EM algo (estabelecer-se, fixar-se)
_ Esse fabuloso artista espanhol logo afirmou-se na pintura.

AFUNDAR
1. ~ (se) EM algo (cair, entrar, penetrar)
_ Estava tão desolado que se afundou numa grande depressão.

2. ~ (se) EM algo (entregar-se com afinco a)
_ Afundei-me nos estudos.

3. ~ (se) EM algo (embrenhar-se, penetrar)
_ Os escoteiros afundaram-se na floresta.

AGARRAR
1. ~ (se) A algo (aderir, grudar em)
_ Esse tecido agarra-se demais à pele.

2. ~ (se) A algo (apegar-se)
_ Meu namorado agarrou-se a argumentos absurdos para explicar o seu atraso.

3. A, EM algo ou alguém (amparar[-se], segurar[-se])
_ Minha avó agarrou-se ao meu braço para se levantar.
_ A cantora agarrou ao (no) empresário com medo de torcer o pé.

AGRADAR
1. A alguém (deleitar Ø, satisfazer)
_ Sua presença agradava muito ao rapaz.

AGRADECER
1. A alguém (manifestar gratidão)
_ Agradeci à professora por tudo quanto fez por mim.

AGREGAR
1. algo A algo (acrescentar, anexar)
_ Agregou novas medidas às outras já discutidas.

2. ~ (se) A algo (associar-se, juntar-se)
_ O desertor agregou-se ao lado inimigo.

AJEITAR
1. algo PARA alguém (conseguir, proporcionar)
_ Meu vizinho ajeitou um ótimo emprego para o amigo.

AJUDAR
1. alguém A + verbo no infinitivo (auxiliar)
_ Ela ajudou o rapaz a vencer os desafios da vida.

2. EM algo (auxiliar, contribuir)
_ Eu ajudei na elaboração do questionário.


AJUSTAR
1. algo A algo (acomodar, adaptar)
_ Ajustei o meu trabalho aos horários do bebê.

2. ~ (se) A algo (condizer com, convir)
_ Suas palavras não se ajustavam à sua delicadeza habitual.

3. algo COM alguém (acertar, combinar)
_ A diretora ajustou o salário com o novo funcionário.

ALCANÇAR
1. algo DE alguém (conseguir, obter)
_ Pelo seu poder político, alcançou reconhecimento de toda a população.

ALEGAR
1. algo A, PARA alguém (expor fatos, razões ou argumentos)
_ O acusado alegou ao (para o) juiz que tinha um álibi perfeito.

ALEGRAR
1. ~ (se) DE, EM + verbo no infinitivo (ficar satisfeito com)
_ Meus amigos alegram-se de (em) encontrá-lo totalmente recuperado do acidente.

ALERTAR
1. alguém DE, CONTRA, PARA algo (advertir, avisar)
_ A mídia alertou os motoristas do (contra o, para o) mau tempo.

ALIAR
1. ~ (se) A algo (associar-se, ligar-se)
_ A saudade aliou-se à dor de ver sua antiga propriedade destruída.

2. algo COM, A algo (associar, unir)
_ Você soube aliar trabalho ao (com o) bom humor. Parabéns!

3. ~ (se) A, COM alguém (coligar-se; unir-se por pacto)
_ Alguns vereadores aliaram-se aos (com os) seus adversários políticos.


ALICIAR
1. alguém PARA algo (atrair, seduzir)
_ O assaltante aliciou a jovem para o narcotráfico.

ALIMENTAR
1. ~ (se) DE algo (nutrir-se, revigorar-se, sustentar-se)
_ Ela alimenta-se apenas de fruta, verdura e leite.

ALINHAR
1. ~ (se) A algo (aderir; tornar-se adepto de)
_ Tolo que era, alinhou-se cegamente à filosofia dos perdedores.

2. ~ (se) ENTRE alguém (engajar-se a, filiar-se a)
_ A deputada alinhou-se entre os social-democratas.

ALISTAR
1. alguém EM algo (inscrever)
_ Nesse ano, alistamos muitos jovens no nosso partido.

ALIVIAR
1. alguém DE algo (desobrigar, livrar)
_ Por ser feriado, aliviei a faxineira da limpeza da casa.
_ Logo vou aliviar-me do fardo pesado que é você!

ALMEJAR
1. POR algo (ansiar; desejar ardentemente Ø)
_ Almejavam por uma vida mais calma.

ALTERNAR
1. algo COM algo (entremear, revezar)
_ Alternava as horas de estudo com passeios no jardim.

2. ~ (se) COM algo ou alguém (mudar-se alternadamente; suceder a)
_ Ora a tristeza alternava-se com a resignação, ora com a fúria.
_ Os pesquisadores alternam-se com os técnicos no laboratório.
 

ALUDIR
1. A algo ou alguém (mencionar Ø, referir-se)
_ Não aludi ao nosso desagradável encontro.
_ Esse poeta aludiu a Montaigne durante a discussão.

ALUGAR
1. algo A, PARA alguém (arrendar, locar)
_ O seu arquiteto alugou uma casa ao (para o) meu irmão.

AMANCEBAR
1. ~ (se) COM alguém (amasiar-se, concubinar-se)
_ Aquela ali amancebou-se com o primo.

AMARRAR
1. ~ (se) A algo (persistir em, teimar em)
_ Amarrou-se à ideia de partir.

2. alguém A, EM algo (atar, prender)
_ O capataz amarrou-o à (na) árvore.

3. ~ (se) COM alguém (amigar-se, casar)
_ Aquele turista amarrou-se com a tua amiga.

4. ~ (se) EM algo (gostar demais de; interessar-se em, por)
_ Eu me amarro em arte moderna.

AMASIAR
1. ~ (se) COM alguém (amigar-se; estabelecer relação não-oficial de casamento)
_ O rapaz amasiou-se com aquela moça.

AMBIENTAR
1. algo EM algum lugar (situar em determinado cenário)
_ O escritor ambientou a história na Europa medieval.

AMEAÇAR
1. alguém DE algo (anunciar castigo, dano ou prejuízo; fazer ameaças)
_ Ameaçaram a empresária de sequestro.


2. alguém COM algo (intimidar; procurar amedrontar)
_ O safado ameaçou a pobrezinha com um pedaço de pau.

AMIGAR
1. ~ (se) COM alguém (amasiar-se)
_ E não é que o meu ex-marido amigou-se com a minha ginecologista?

AMOLDAR
1. algo A algo (adaptar, harmonizar com)
_ Amoldava o seu jeito de ser ao do marido.

2. ~ (se) A algo (ajustar)
_ Esse comportamento não se amolda à sua classe social, mocinha!

3. ~ (se) A algo (acostumar-se, adaptar-se, habituar-se)
_ O empresário, falido, amoldou-se com dificuldade a uma vida de tédio e privação.

4. algo POR algo (pautar)
_ Não amoldarei as minhas atitudes pelas dele, não se preocupe!

AMPARAR
1. alguém DE algo (defender, proteger)
_ A mãe tentava amparar o filho de todos os males do mundo.

2. ~ (se) EM algo (arrimar-se, sustentar-se)
_ Amparava-se no salário do pai.

3. algo EM algo (fundamentar)
_ O pesquisador amparava suas ideias na teoria da relatividade especial.

ANDAR
1. COM alguém (envolver-se; ter relações)
_ O rapaz andava com uns tipos suspeitos.

2. COM alguém (fazer-se acompanhar de)
_ A atriz só andava com seguranças.


3. COM alguém (manter relações sexuais ou amorosas)
_ Agora ela anda com meu primo.

4. COM, DE algo (usar Ø)
_ Todas as modelos andavam com (de) salto alto.

5. DE + nome de veículo ou de animal de montaria (ser conduzido ou transportado; viajar)
_ Ela não andaria de ônibus em São Paulo a tal hora.
_ Morei cinco anos no Magreb, mas nunca andei de camelo.

ANEXAR
1. algo A algo (acrescentar, incorporar, juntar)
_ Anexaram novos itens ao acordo coletivo de trabalho.

ANIMAR
1. alguém A + verbo no infinitivo (estimular, incentivar)
_ O entusiasmo do público animou o palhaço a continuar o espetáculo.

ANSIAR
1. POR algo ou verbo no infinitivo (almejar Ø; desejar ardentemente Ø)
_ O preso anseia por liberdade.
_ Os moradores das favelas anseiam por viver em paz.

ANTECEDER
1. A algo (preceder)
_ Viajou na semana que antecedia às provas.
F: précéder Ø
ANTECIPAR
1. algo A, PARA alguém (comunicar com antecedência)
_ Antecipei aos (para os) alunos a decisão que iria tomar.

2. A alguém EM algo (adiantar-se)
_ Antecipou-se aos companheiros na busca por objetos arqueológicos.

3. EM + verbo no infinitivo (adiantar-se, precipitar-se)
_ Novo no emprego, antecipou-se em impressionar o gerente.


ANTEPOR
1. algo A algo (considerar mais importante do que; preferir)
_ Antepôs o trabalho aos estudos.

2. algo A algo (contrapor, opor)
_ Na empresa, seu Borges antepunha interesses pessoais ao bem comum.

3. algo A algo (antecipar; colocar diante)
_ Antepunha a solução ao problema.

ANTIPATIZAR
1. COM algo ou alguém (ter aversão ou antipatia por)
_ Marilda antipatizava com certas atitudes da amiga.
_ Antipatizei com a sogra dele.

ANUNCIAR
1. algo A, PARA alguém (comunicar, participar)
_ Anunciaram a o (para o) vencedor o resultado do concurso.

APAIXONAR
1. ~ (se) POR algo ou alguém (sentir-se muito atraído; ser tomado de um amor intenso)
_ Apaixonei-me pelo carro novo.
_ Durvalino apaixonou-se pela enteada.

APARECER
1. algo A, PARA alguém (apresentar-se, mostrar-se)
_ Em sonho, um anjo apareceu ao (para o) menino.

APARTAR
1. alguém DE alguém (isolar, separar)
_ A guerra apartou o filho de sua mãe.

2. alguém DE algo (segregar, tirar)
_ O novo emprego apartou-o de nosso convívio.

APEGAR-SE
1. A algo (agarrar-se, prender-se)
_ Apegou-se àquelas lembranças.


2. A, COM alguém (afeiçoar-se)
_ As crianças apegaram-se à (com a) babá.

3. A, EM algo (amparar-se em, prender-se, recorrer a)
_ Nos momentos difíceis apegamo-nos à (na) religião.

APELAR
1. A alguém PARA + oração (implorar, pedir)
_ Os alunos apelaram à professora para que adiasse a prova.

2. PARA algo (recorrer a, servir-se de, utilizar Ø)
_ Apelou para a violência.

APELIDAR
1. alguém DE algo (chamar por apelido Ø; denominar)
_ Apelidei-o de sabe-tudo.

APERFEIÇOAR
1. ~ (se) EM algo (atingir um grau superior; especializar-se)
_ Aperfeiçoou-se em Direito do Trabalho.

APERTAR
1. algo A, CONTRA, EM algo (comprimir)
_ Apertou a carta ao (contra o, no) peito.

APETECER
1. A alguém (despertar apetite em, parecer gostoso)
_ O que mais apetecia a ele era um bolo de chocolate.

APIEDAR
1. ~ (se) DE alguém (comover-se com, sensibilizar-se com)
_ Ela apiedava-se dos desamparados.

APLICAR
1. algo A algo (adaptar, adequar)
_ Aplicava o mesmo discurso a diferentes situações.


2. algo A algo (empregar em; pôr em prática em)
_ Deverei aplicar esses critérios à pesquisa em andamento.

3. algo A, EM alguém (impor, infligir)
_ Aplicou um severo castigo ao (no) funcionário relapso.

4.~ (se) A, EM algo (dedicar-se; entregar-se com empenho)
_ Sérgio aplicou-se ao (no) adestramento do cão.

5. algo EM algo (investir)
_ O engenheiro aplicou todo o seu dinheiro em ações.

6. algo EM alguém (injetar, introduziu)
_ A enfermeira precisou aplicar uma injeção na garotinha.

APODERAR
1. ~ (se) DE algo (apropriar-se)
_ Meu ex-genro pretendia apoderar-se de todos os meus bens.

2. ~ (se) DE alguém (dominar Ø, invadir Ø)
_ A tristeza apoderou-se das senhoras do bairro.

APOIAR
1. algo EM algo ou alguém (basear-se, fundamentar)
_ A doutoranda apoia sua tese nos textos de Pêcheux.
_ Apoiava sua monografia em extensa bibliografia.

2. ~ (se) EM algo (amparar-se, valer-se de)
_ Apoiava-se na pensão do ex-marido.

APONTAR
1. algo A, PARA alguém (indicar ou mostrar com o dedo ou um gesto)
_ O professor apontou ao (para o) aluno seus erros de ortografia.

2. PARA algo (indicar a direção de)
_ A sacada apontava para o pôr do sol.

3. PARA alguém (pôr Ø em pontaria, como alvo)
_ A testemunha prometeu apontar para o culpado.


4. alguém PARA algo (designar, indicar, nomear)
_ Apontaram-me para o cargo de diretor.

APOSSAR
1. ~ (se) DE algo (apoderar-se, apropriar-se)
_ Apossou-se de minhas joias.

2. ~ (se) DE algo ou alguém (invadir; passar a fazer parte)
_ Uma forte emoção apossou-se de minha alma.
_ O medo apossou-se da dona de casa.

APOSTAR
1. EM algo (confiar antecipadamente; estar convencido de)
_ O diretor geral aposta na sua integridade.

2. algo EM algo (arriscar, jogar)
_ Apostou tudo o que tinha no jogo de cartas.

APRENDER
1. A + verbo no infinitivo (tornar-se apto ou capaz de)
_ Aprendi a aceitar meus próprios defeitos.

2. SOBRE algo (adquirir conhecimento; ter melhor compreensão)
_ Na faculdade, aprendi muito sobre história da arte.

APRESENTAR
1. algo A, PARA alguém (expressar, manifestar)
_ Apresentou inúmeras desculpas à (para a) secretária

2. algo A, PARA alguém (submeter à apreciação ou aprovação de)
_ Marcos apresentou o esboço do projeto ao (para o) construtor.

3. algo CONTRA alguém (fazer uma denúncia)
_ Apresentaram uma reclamação contra o inspetor.

4. .~ (se) A algo (comparecer, mostrar-se em)
_ Apresentou-se à reunião com uma hora de atraso.


APRESSAR
1. alguém A + verbo no infinitivo (incitar, induzir)
_ Os parentes do enfermo apressaram o médico a se decidir.

2. ~ (se) A, EM + verbo no infinitivo (acelerar o ritmo em; dar-se pressa em)
_ Estava ficando tarde e apressei-me a tomar o café.
_ O rapaz apressou-se em fazer o exame.

APRIMORAR
1. ~ (se) EM algo (aperfeiçoar-se, especializar-se)
_ Aprimorou-se nas artes marciais.

APRISIONAR
1. alguém A algo (fixar, prender)
_ As tarefas domésticas aprisionam a dona de casa ao lar.

APROFUNDAR
1. ~ (se) EM algo (investigar a fundo Ø)
_ Ele queria aprofundar-se no estudo do comportamento humano.

APRONTAR
1. alguém PARA algo (preparar)
_ O treinador aprontou os atletas para a prova de revezamento.

APROPRIAR
1. algo A algo (adaptar, adequar; tornar conveniente)
_ O estagiário apropriou seu comportamento à formalidade da ocasião.

2. ~ (se) DE algo (apossar-se; fazer-se dono)
_ Apropriou-se do carro de seu avô.

APROVEITAR
1. ~ (se) DE algo (abusar; tirar proveito, vantagem)
_ O Beto aproveitou-se de minha bondade.

2. ~ (se) DE alguém (abusar; consumar atos libidinosos com)
_ Ele aproveitava-se das meninas mais novas.


APROXIMAR
1. algo ou alguém DE algo ou alguém (relacionar; tornar próximo)
_ Em seu livro, o escritor aproxima a realidade da fantasia.
_ Esforço-me para aproximá-lo do irmão.

2. ~ (se) DE algo ou alguém (chegar perto; estar próximo)
_ O menino aproxima-se dos cinco anos.
_ Lentamente o delegado aproximou-se do rapaz.

3. ~ (se) DE alguém (relacionar-se amistosamente com)
_ Pouco a pouco o aluno aproximou-se do professor de história.

ARCAR
1. COM algo (enfrentar Ø; tornar-se responsável por)
_ Arquei com as responsabilidades de meus atos.

ARDER
1. DE, EM algo (consumir-se, inflamar-se; sentir intensamente Ø)
_ Ardia de (em) ansiedade.

ARGUMENTAR
1. CONTRA algo ou alguém (apresentar ponderações; sustentar controvérsias)
_ Argumentaram contra a proposta de transposição do rio.
_ Você argumentaria realmente contra um homem tão poderoso?

1. alguém DE algo (munir, prover)
_ O técnico armou o eletricista de instrumentos muito precisos.

2. ~ (se) CONTRA algo (preparar-se, prevenir-se)
_ Armaram-se contra a inflação.

3. ~ (se) DE algo (fortalecer-se)
_ É preciso armar-se de coragem para enfrentar este problema.

ARRANCAR
1. algo A, DE alguém (obter; tomar algo com dificuldade)
_ Com muito custo, arrancou-lhe um sorriso.


2. algo DE alguém (provocar, suscitar)
_ Essa peça de teatro arrancou aplausos de multidões.

3. algo DE alguém (conseguir, obter)
_ O policial arrancou informações do delinquente.

ARRANJAR
1. algo PARA alguém (conseguir, obter)
_ Ivete arranjou um bom emprego para o seu primo.

ARRASAR
1. COM algo (acabar, destruir Ø)
_ Arrasei com sua autoconfiança.

ARRASTAR
1. alguém A algo (compelir, conduzir, impelir)
_ A pressa arrastou-o a uma solução equivocada.

ARREMESSAR
1. ~ (se) A, CONTRA, SOBRE algo (arrojar-se; atirar-se com ímpeto)
_ Cheio de coragem, o soldado arremessou-se ao (contra o, sobre o) flanco inimigo.

ARRENDAR
1. algo DE alguém (alugar; tomar em arrendamento)
_ A moça arrendou o boteco do primo.

2. algo PARA alguém (conceder; dar em arrendamento)
_ Meu pai arrendou o sítio para um velho amigo.

ARREPENDER
1. ~ (se) DE algo (sentir peso ou culpa por; sofrer por)
_ O réu arrependeu-se de ter roubado.

ARRISCAR
1. ~ (se) A algo (atrever-se)
_ Não me arrisco a desafiar meu pai.


2. ~ (se) A algo (aventurar-se; expor-se a boa ou má sorte)
_ O turista arriscou-se a viajar pelo deserto.

3. algo EM algo (colocar em risco; expor)
_ O empresário arriscava o seu dinheiro no jogo.

ARRUMAR
1. algo A, PARA alguém (arranjar, conseguir)
_ O homem arrumou dinheiro ao (para o) amigo.

ARTICULAR
1. ~ (se) COM algo (juntar-se, unir-se)
_ A teoria articula-se com a prática.

2. ~ (se) COM alguém (entender-se; entrar em entendimento)
_ O professor articulou-se com o diretor.

ASCENDER
1. A algo (elevar-se em dignidade, posto, cargo etc.)
_ Em dois meses ascenderia a capitão.

2. A, ATÉ algo (elevar-se, subir)
_ Jesus ascendeu aos (até os) céus.

3. A, PARA quantidade (atingir Ø, chegar a)
_ O petróleo ascendeu a valores estratosféricos hoje.

ASPIRAR
1. A algo (almejar, ansiar)
_ O virginiano aspira à perfeição.

POR alguém
_ A mulher aspirava pelo homem ideal.

ASSEGURAR
1. algo A, PARA alguém (afirmar, asseverar)
_ Assegurei ao (para o) encanador que o ajudaria.


2. algo A, PARA alguém (garantir, possibilitar, proporcionar)
_ As sessões de fisioterapia asseguraram ao (para o) paciente uma rápida recuperação.

3. alguém DE algo (avisar)
_ O rapaz assegurou a mãe do empenho nos estudos para passar nos exames.

4. ~ (se) DE algo (certificar-se, garantir-se)
_ Assegurei-me de que ela voltaria às 8h.

ASSEMELHAR
1. ~ (se) A algo ou alguém (parecer com; tornar-se semelhante a)
_ Esses desenhos assemelham-se a pichações.
_ Seu primo assemelha-se ao seu tio.

ASSENTAR
1. A, EM alguém (cair, ficar bem ou mal)
_ Aquela roupa não assenta bem a (em) uma mulher muito jovem.

ASSENTIR
1. A algo (aprovar Ø, consentir em)
_ A diretoria assentiu à aquisição de novos aparelhos.

ASSESSORAR
1. alguém EM algo (ajudar)
_ Assessorou o gerente na expansão dos negócios.

ASSIMILAR
1. algo A algo (absorver, incorporar, integrar)
_ Durante muito tempo, os romanos assimilaram a civilização grega à sua cultura.

ASSISTIR
1. A algo (comparecer, ver Ø)
_ Assistimos ao concerto extasiados.

2. A alguém (acudir Ø, auxiliar Ø, socorrer Ø)
_ A madre assistia aos carentes em suas necessidades.

3. alguém EM algo (ajudar)
_ A herdeira assistiu a tia nas decisões da empresa.

ASSOCIAR
1. algo ou alguém A algo ou alguém (estabelecer relações com)
_ Laura associava o cheiro do café à sua infância na fazenda.
_ A enfermeira insistia em associar o fisioterapeuta ao médico.
_ Associo perfumes fortes ao meu ex-namorado.
_ Em seus discursos, ele associava o deputado a um prefeito corrupto.
_ Só faltava associar o filho ao poder político vigente.

2. ~ (se) A algo (juntar-se, unir-se)
_ O desemprego associou-se à inflação durante a crise econômica.

3. ~ (se) A algo (acompanhar Ø)
_ Um ataque cardíaco associa-se a fortes dores no peito.

4. ~ (se) COM algo ou alguém (coligar-se; fazer-se sócio de)
_ Aquele funcionário associou-se com a empresa concorrente.
_ Nosso chefe associou-se com um empresário paulistano.

ASSOPRAR
1. algo A, PARA alguém (cochichar; dizer em voz baixa; segredar)
_ O colega de classe assoprou uma dica à (para a) Isabel.

ATAR
1. ~ (se) A algo (estar preso; ligar-se, unir-se)
_ O saudosista atava-se ao passado.

2. ~ (se) A alguém (prender-se, vincular-se)
_ Atei-me a uma pessoa especial.

ATEAR
1. (~) fogo EM algo (lançar, pôr, tocar)
_ Os manifestantes ateavam fogo nos carros.

ATENDER
1. A alguém (acudir Ø; prestar auxílio)
_ O motorista atendeu à vítima do acidente.


2. A algo (corresponder, satisfazer)
_ Há pouco dinheiro para atender às necessidades do instituto.

3. A algo (dar atenção; obedecer, observar Ø)
_ Um infiel não atenderia aos mandamentos.

4. POR nome (responder por nome ou apelido)
_ A vizinha atendia por Lulu.

ATENTAR
1. A, EM, PARA algo (prestar atenção a, em; reparar em)
_ O leitor atentava ao (no, para o) texto.

2. CONTRA algo (insurgir-se, rebelar-se)
_ Os rebeldes atentam contra as determinações.

ATER
1. ~ (se) A algo (conformar-se, subordinar-se)
_ É você que se atém a preceitos há muito caducos, não eu.

ATESTAR
1. algo A, PARA alguém (provar oficialmente; testemunhar)
_ Serenamente, atestou ao (para o) juiz a verdade dos fatos.

ATIÇAR
1. alguém A + verbo no infinitivo (estimular, impelir, incentivar)
_ Embora não gostasse da ideia, atiçou-o a derrubar a figueira centenária.

2. alguém CONTRA alguém (incitar, instigar)
_ Atiçaram-no contra a própria filha.

ATINAR
1. COM algo (dar-se conta de; reparar Ø; ter consciência de)
_ Não conseguia atinar com o mal que tinha causado.

2. COM algo (descobrir por meio de conjecturas Ø)
_ Eu não atinava com o que dizer de tão chocado.


3. PARA algo (atentar; prestar atenção em)
_ Só agora atinei para a riqueza da cultura francesa.

ATIRAR
1. A algo (apontar, disparar)
_ Por esporte, atirava ao alvo com maestria.

2. ~ (se) A algo (abandonar-se, entregar-se)
_ Após a morte da esposa, o médico atirou-se insanamente ao trabalho.

3. ~ (se) A, EM algo (aventurar-se; lançar-se impetuosamente)
_ Os portugueses atiraram-se ao (no) mar em busca de tesouros.

4. alguém EM algo (compelir a, levar a)
_ A solidão me atirava em intermináveis leituras.

ATRACAR
1. ~ (se) COM alguém (engalfinhar-se; entrar em luta corporal)
_ Aquele garoto atracou-se sem pensar com o concorrente.

2. ~ (se) COM algo ou alguém (abraçar-se, agarrar-se, pegar-se)
_ Já bastante atrasado para a escola, o menino atracou-se com o portão.
_ Quando ela soube que o noivo iria para a guerra, atracou-se chorosa com ele.

ATRAIR
1. alguém A, PARA algo (fazer aderir; trazer)
_ Os amigos atraíram-no ao (para o) espiritismo.

ATRELAR
1. algo A algo (atar, engatar, ligar, prender)
_ Atrelou o cavalo à carroça e rumou para o centro da cidade.

2. algo A algo ou alguém (submeter, sujeitar)
_ Portugal atrelou a agricultura brasileira às necessidades do mercado europeu.
_ Atrelamos esta função à nova secretária?
_ Não devo atrelar o Henrique a este trabalho pesado.
_ O funcionário atrelou-se servilmente ao patrão na esperança de uma recompensa.

3. ~ (se) A algo (ligar-se, unir-se)
_ Durante a guerra, alguns setores da população atrelaram-se ao fascismo.


ATREVER
1. ~ (se) A + verbo no infinitivo ou algo (aventurar-se, ousar)
_ Leopoldo atreveu-se a lhe roubar um beijo.
_ Atrevi-me a desejos proibidos nos anos 50 e fui expulsa de casa.

ATRIBUIR
1. algo A algo ou alguém (considerar como; imputar)
_ Os médicos atribuíram à infecção a morte dos enfermos.
_ Atribuíam a autoria dessa canção popular a um poeta desconhecido.

ATUAR
1. EM algo (agir, operar, trabalhar)
_ Eram muitos os que atuavam em fábricas insalubres.

AUMENTAR
1. algo A algo (acrescentar, adicionar)
_ O autor aumentou um parágrafo muito interessante à sua crônica.

AUSENTAR
1. ~ (se) DE algo (afastar-se, apartar-se, retirar-se)
_ Não me ausentaria por nada da restauração do sobrado.

AUTORIZAR
1. algo A alguém (permitir)
_ A fábrica autorizou aos operários a compra de novos uniformes.

2. alguém A + verbo no infinitivo (consentir, tornar lícito Ø)
_ O juiz autorizou o pai a visitar a criança nos fins de semana.

3. alguém A + verbo no infinitivo (dar direito para; dar motivo para)
_ A sua condição de chefe não o autoriza a desrespeitar a opinião da maioria.

AUXILIAR
1. alguém A + verbo no infinitivo ou EM algo (ajudar)
_ Meu amigo auxiliou-me a estudar álgebra.
_ Auxiliaremos o nosso colega no seminário de amanhã.

AVALIAR
1. algo EM quantia (calcular, estabelecer o preço ou o valor)
_ Especialistas avaliaram aquela tela em milhares de dólares.

AVANÇAR
1. EM algo (progredir)
_ Nos últimos anos, o país avançou muito em tecnologia.

2. EM, CONTRA, SOBRE alguém (atacar Ø, atirar-se, investir)
_ O cão fila avançou no (contra, sobre o) dono.

3. POR, SOBRE algo (alastrar-se, estender-se, expandir-se)
_ A soja avança pelo (sobre o) cerrado.

AVENTURAR
1. ~ (se) A + verbo no infinitivo (arriscar-se, atrever-se, ousar Ø)
_ Por fim, aventurei-me a ir até lá sozinho.

AVISAR
1. alguém DE algo (informar, prevenir)
_ A firma avisou os empregados de suas próximas férias.

algo A, PARA alguém
_ Avise a mudança de horário aos (para os) competidores.

2. alguém PARA + verbo no infinitivo (aconselhar, recomendar)
_ Já avisei o jardineiro para cortar a grama.


****************************************************
Sao, Mayara Stringhetta.
Dicionário multilíngue de regência verbal: equivalentes em francês. /
Mayara Stringhetta Sao. - São José do Rio Preto: [s.n.], 2009.

Comentários

  1. Anônimo6:06 AM

    Aprendi que o verbo assistir pode ser transitivo direto (no sentido de prestar assistência, ajudar) ou transitivo indireto (ver, presenciar).
    1. Assisti ao filme. (VTI)
    2. O médico assitiu o paciente. (VTD)
    Ao verificar na relação desse sítio não verifiquei esta orientação. Algo mudou?
    Obrigado!
    Josué

    ResponderExcluir
  2. Anônimo8:27 PM

    Pois é, a regência do verbo assistir está errada.

    ResponderExcluir
  3. Algumas gramáticas aceitam o objeto indireto quando o verbo ASSISTIR é usado no sentido de socorrer ou aplicar curativo.

    ResponderExcluir
  4. Esta errado a regência no exemplo, porém na explicação está correta.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

EXERCÍCIOS - ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS E ADJETIVAS

EXERCÍCIOS SOBRE ORAÇÕES SUBORDINADAS ADVERBIAIS

01. A opção em que a oração subordinada pode ser considerada adverbial condicional é: a) Desde que o vi, me apaixonei. b) Desde que tenho muito trabalho hoje, não poderei sair. c) Permanecerei aqui, desde que você permaneça. d) Diga-me se a proposta lhe interessa. e) Falou sem que nos convencesse.
02. As orações subordinadas adverbiais assinaladas estão classificadas. assinale a alternativa cuja classificação esteja errada: a) “Nunca chegará ao fim por mais depressa que ande.” (oração subordinada adverbial concessiva) b) “Era tal a serenidade da tarde que se percebia o sino de uma freguesia distante, dobrando a finados.” (oração subordinada adverbial consecutiva). c) Mesmo que faça calor, não poderemos nadar. (oração subordinada adverbial concessiva) d) Ela era tão medrosa, que não saía de casa. (oração subordinada adverbial comparativa) e) Se tudo correr bem, levar-te-ei à Europa. (oração subordinada adverbial condicional)
03. No período: "Era tal a serenidade da tarde, que se percebia o sin…

EXERCÍCIOS - FUNÇÕES DA LINGUAGEM

01. Assinale a alternativa em que a função apelativa da linguagem é a que prevalece: A) Trago no meu peito um sentimento de solidão sem fim... sem fim... B) “Não discuto com o destino o que pintar eu assino.” C) Machado de Assis é um dos maiores escritores brasileiros. D) Conheça você também a obra desse grande mestre. E) Semântica é o estudo da significação das palavras. 02. Identifique a frase em que a função predominante da linguagem é a REFERENCIAL: A) Dona Casemira vivia sozinha com seu cachorrinho. B) Vem, Dudu! C) Pobre Dona Casemira... D) O que ... O que foi que você disse? E) Um cachorro falando? 03. A função metalinguística predomina em todos os fragmentos, exceto em: A) “Amo-te como um bicho simplesmente de um amor sem mistério e sem virtude com um desejo maciço e permanente.” (Vinicius de Morais) B) “Proponho-me a que não seja complexo o que escreverei, embora obrigada a usar as palavras que vos sustentam.” (Clarice Lispector) C) “Não narro…