14 novembro 2010

A EXPANSÃO DA LÍNGUA PORTUGUESA




AS FASES DA LÍNGUA

          O linguista José Leite de Vasconcelos, em sua obra Lições de Filologia Portuguesa (Lisboa, 1926), propõe as seguintes etapas na evolução do latim ao português: a) latim lusitânico – língua falada na Lusitânia, desde a implantação do latim até o século V; b) romance lusitânico – língua falada na Lusitânia, do século VI ao IX; c) português proto-histórico – língua falada na Lusitânia, do século IX ao XII; d) português arcaico – do século XIII à primeira metade do século XVI, quando a língua começa a ser  codificada gramaticalmente. Em 1536 é publicada a primeira gramática da língua portuguesa, a Grammatica da Lingoagem Portuguesa, de Fernão de Oliveira; e) português moderno – da segunda metade do século XVI aos dias de hoje.

          Outros autores costumam unir as fases do latim lusitânico e do romance lusitânico naquela que seria a fase pré-histórica da língua, a respeito da qual não existem documentos; outros, como o próprio Leite de Vasconcelos, subdividem as fases arcaica e moderna em outras fases. No entanto, parece-nos suficiente essa divisão para a apreensão do processo por que passou a língua portuguesa, tendo-se sempre presente que a língua é um sistema em permanente transformação, não cabendo, portanto, qualquer divisão estanque.




DOMÍNIO ATUAL

          Com as navegações durante os séculos XV e XVI, os portugueses levaram a sua língua para os vastos territórios que conquistaram na África, na América e na Oceania, ampliando muito seu domínio.
         Hoje, o português é a língua oficial de Portugal, do Brasil e dos países que foram colônias portuguesas: Guiné-Bissau, Cabo Verde, Angola, Moçambique, São Tomé e Príncipe e Timor. É, portanto, falado em áreas de todos os continentes: Europa (Portugal continental, arquipélago dos Açores e ilha da Madeira), África (arquipélago de Cabo Verde, ilhas de São Tomé e Príncipe e, no continente, Angola, Guiné-Bissau e Moçambique), Ásia (Macau), Oceania (parte ocidental da ilha de Timor) e América (Brasil). Isso sem contar os inúmeros dialetos, que misturam o português com o espanhol, praticados em povoações da Espanha e nas zonas fronteiriças do Brasil.
          Esse amplo domínio faz da língua portuguesa a quinta entre as mais faladas do mundo, superada apenas pelas línguas chinesa, inglesa, russa e espanhola.

Nenhum comentário:

Postar um comentário