Pular para o conteúdo principal

LISTA DE EXERCÍCIOS DE COLOCAÇÃO PRONOMINAL



01. Aponte o erro de colocação pronominal.

A) Quero-lhe bem, meu caro sobrinho!
B) O que me disseram está errado.
C) Me empreste o lápis.
D) Embora o aguardasse, não tinha esperança.
E) Não o vi durante a cerimônia.

02. “Farei-te um bom preço, mas não me fales sobre isso a ninguém.”

Em relação à colocação pronominal, podemos afirmar que:
A) Farei-te está correto.
B) Não me fales está errado.
C) Não me fales é certo, assim como não fales-me.
D) Não há erro de colocação.
E) Farei-te está errado.

03. Assinale a frase com erro de colocação.
A) Assim que o avistamos, fomos a ele.
B) Traga-me aquilo.
C) Roberto, me perdoe.
D) Fá-lo-ás sorrir de novo.
E) Espero que te avisem.

04. Aponte a frase sem erro de colocação.
A) Desejo lhe contar algo.
B) Te maltrataram?
C) Marcos ainda não levantou-se.
D) Levarei-o logo.
E) Tudo agrada-lhe naquela casa.

05. Assinale o uso gramaticalmente correto da colocação pronominal.

A) Não me quiseram avisar ou não o puderam fazer.
B) Nunca dirão-me a verdade!
C) Nos veremos ainda hoje!
D) Saí sem que notassem-me a falta.
E) Não faltar-te-ei com a verdade.


06. Assinale a alternativa que apresenta erro de colocação pronominal
A) Alguém me disse que tu amas novamente.
B) Esvaindo-se em sangue, o criminoso conseguiu pôr-se a salvo.
C) Em se tratando de dificuldades, ele sempre se portava com a maior dignidade possível.
D) Diria-te toda a verdade, se dissesses-me por que te perseguiam.
E) 
Nada nos foi informado sobre a realização dos exames finais.

07. Em que alternativa NÃO há erro na colocação do pronome? 
A) Preciso vê-lo, me disse o rapaz.
B) Este é um trabalho que absorve-se muito.
C) Far-se-á tudo para que se salvem.
D) Não arrepender-se-ia por dizer a verdade.
E) Em pondo-se o sol, os pássaros debandam.

08. Indique a estrutura verbal que CONTRARIA a norma oculta:

A) Ter-me-ão elogiado por meus talentos.
B) Tinha-me lembrado de seus filhos.
C) Teria-me lembrado de seus filhos.
D) Temo-nos esquecido de nossos deveres.
E) Tenho-me alegrado com essas atividades.

09. Assinale a alternativa incorreta quanto à colocação pronominal:                                                                         

A) Amanhã, contar-lhe-ei o grande segredo.
B) Pedimos-lhe um favor e ele não o fez.
C) Ali se vendem relógios.
D) Ninguém dar-se-ia bem naquele trabalho.
E) Prometi-lhe dedicar-me aos estudos.

10. Em qual frase não se cometeu erro de colocação pronominal?
A) Fomos à porta, para que vissem-nos ali.
B) Sei que falaram-lhe de mim.
C) Antônio se atrasou.
D) Já pedes-me isso?
E) Toda aquela correria, por certo, tinha cansado-me.

11. Quanto à colocação pronominal:
I. Eu nunca direi-lhe o que nos aconteceu.
II. Quem convidou-o para a festa ?
III. Não tenho certeza se as cumprimentei.
IV. Pedir-lhe-ei um favor.
A) Todas as frases estão corretas
B) estão corretas as frases I e II
C) estão corretas as frases III e IV
D) somente a frase III está correta
E) todas as frases estão incorretas

12. Assinale a frase com ERRO de colocação pronominal:
A) Tudo me era completamente indiferente.
B) Ela não me deixou concluir a frase.
C) Este casamento não deve realizar-se.
D) Ninguém havia lembrado-me de fazer as.reservas. 
E) Que Deus te acompanhe por toda a vida.

13. "Não dir-te-ei o que agrada-te; direi-te, sim, a verdade!"
A colocação pronominal da frase em questão transgride as regras gramaticais para o uso dos pronomes oblíquos átonos. Tem-se a frase devidamente corrigida na alternativa:
A) "Não direi-te o que agrada-te; direi-te, sim, a verdade!" 

B) "Não dir-te-ei o que agrada-te; te direi, sim, a verdade!"
C) "Não te direi o que te agrada; dir-te-ei, sim, a verdade!"

D) "Não dir-te-ei o que te agrada; dir-te-ei, sim, a verdade!" 
E) "Não te direi o que te agrada; te direi, sim, a verdade!" 

14. Segundo o padrão do português culto, há ERRO quanto à colocação do pronome oblíquo átono em: 
A) Agora se queixavam muito do envolvimento de todos. 
B) Dir-se-ia a verdade se não fosse sob tortura? 
C) Despedimo-nos das pessoas mais importantes do setor.
D) Tinha informado-a do fato antecipadamente.
E) Quem se arrependerá de ter chegado mais cedo? 

15. A substituição do termo em negrito NÃO se fez adequadamente em: 
A) Daremos a ele todas as oportunidades. Dar-lhe-emos todas as oportunidades. 
B) Fizemos o trabalho como você orientou. Fizemo-lo como você orientou. 
C) Acharam os livros muito interessantes. Acharam-nos muito interessantes. 
D) Refaremos a lição porque está errada. Refá-la-emos, porque está errada. 
E) Enviamos cartas a vocês. Enviamos-lhes a vocês.

16. Substituindo os complementos verbais sublinhados pelo pronome pessoal oblíquo correspondente, teríamos a sequência adequada indicada na alternativa:
l. Coloquem as mesas no lugar.
II. Enviamos lembranças a todos. 
III. Refez a tarefa que lhe foi determinada. 

A) I. Coloquem-lhes; II. Enviamos-lhes; III. Refê-la. 
B) I. Coloquem-nas; II. Enviamos-nas; III. Refez-na. 
C) I. Coloquem-nas; II. Enviamo-las; III. Refê-la. 
D) I. Coloquem-las; II. Enviamos-as; III. Refez-a. 
E) I. Coloquem-lhes; II. Enviamos-lhes; III. Refez-lhe

17. Assinale com V a colocação verdadeira e com F a colocação falsa dos pronomes oblíquos átonos, nos períodos abaixo:
(   ) Ele não me havia informado muito bem a respeito da tarefa.
(   ) Talvez a luz contínua e ofuscante tenha afetado-me a visão.
(   ) Ninguém se retirará antes do encerramento da reunião.
(   ) Tudo me parecia bem até que me alertaram do perigo que eu corria.
(   ) Em tratando-se de artes, preferimo-la a qualquer outra atividade.
(   ) Se se soubesse a verdade, não mais me criticariam.

Entre Verdadeiras e Falsas, A sequência correta é:

A) F, F, V, V, V, V
B) V, V, F, F, V, F
C) F, V, F, V, F, V
D) F, V, F, F, V, F
E) V, F, V, V, F, V

18. Assinale a frase perfeita quanto à colocação pronominal. 

A) Dá-me uma posição definitiva sobre o que aflige-te nesse processo. 
B) Tudo mostrava-me o perigo daquela situação. 
C) Não te preocuparei com coisas banais nem dir-te-ei futilidades. 
D) Haviam-na informado de tudo nos mínimos detalhes. 
E) Não tenho certeza se recordam-se ainda das regras gramaticais.

19. “Buscar a racionalização e redução de custos que poderão refletir-se beneficamente sobre os preços futuros.” 

Das alterações processadas na parte sublinhada da passagem acima, aquela em que a colocação do pronome átono contraria a norma gramatical vigente no Brasil é: 

A) que deveriam se refletir 
B) que deveriam ter-se refletido 
C) que estarão-se refletindo 
D) que se deveriam refletir 
E) que se estarão refletindo

20. Há ERRO no emprego do pronome em:

A) Avisamo-lo de que aquilo era perigoso.
B) Respeitá-lo-ei sempre que possível.
C) Vou visitar-lhe na próxima semana.
D) Obedecê-las-ia, se fossem sinceras.
E) Dir-lhe-ei apenas a verdade dos fatos. 

*****************************************************

GABARITO: 1C - 2E - 3C - 4A - 5A - 6D - 7C - 8C - 9D
10C - 11C - 12D - 13C - 14D - 15E - 16C - 17E - 18D - 19C - 20C 

*****************************************************

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

EXERCÍCIOS - ORAÇÕES SUBORDINADAS SUBSTANTIVAS E ADJETIVAS

EXERCÍCIOS SOBRE ORAÇÕES SUBORDINADAS ADVERBIAIS

01. A opção em que a oração subordinada pode ser considerada adverbial condicional é: a) Desde que o vi, me apaixonei. b) Desde que tenho muito trabalho hoje, não poderei sair. c) Permanecerei aqui, desde que você permaneça. d) Diga-me se a proposta lhe interessa. e) Falou sem que nos convencesse.
02. As orações subordinadas adverbiais assinaladas estão classificadas. assinale a alternativa cuja classificação esteja errada: a) “Nunca chegará ao fim por mais depressa que ande.” (oração subordinada adverbial concessiva) b) “Era tal a serenidade da tarde que se percebia o sino de uma freguesia distante, dobrando a finados.” (oração subordinada adverbial consecutiva). c) Mesmo que faça calor, não poderemos nadar. (oração subordinada adverbial concessiva) d) Ela era tão medrosa, que não saía de casa. (oração subordinada adverbial comparativa) e) Se tudo correr bem, levar-te-ei à Europa. (oração subordinada adverbial condicional)
03. No período: "Era tal a serenidade da tarde, que se percebia o sin…

EXERCÍCIOS - FUNÇÕES DA LINGUAGEM

01. Assinale a alternativa em que a função apelativa da linguagem é a que prevalece: A) Trago no meu peito um sentimento de solidão sem fim... sem fim... B) “Não discuto com o destino o que pintar eu assino.” C) Machado de Assis é um dos maiores escritores brasileiros. D) Conheça você também a obra desse grande mestre. E) Semântica é o estudo da significação das palavras. 02. Identifique a frase em que a função predominante da linguagem é a REFERENCIAL: A) Dona Casemira vivia sozinha com seu cachorrinho. B) Vem, Dudu! C) Pobre Dona Casemira... D) O que ... O que foi que você disse? E) Um cachorro falando? 03. A função metalinguística predomina em todos os fragmentos, exceto em: A) “Amo-te como um bicho simplesmente de um amor sem mistério e sem virtude com um desejo maciço e permanente.” (Vinicius de Morais) B) “Proponho-me a que não seja complexo o que escreverei, embora obrigada a usar as palavras que vos sustentam.” (Clarice Lispector) C) “Não narro…